Atenção
Este site utiliza cookies. Ao usar este site está a consentir a utilização. Saber mais
 
  PT | EN
Angola sem casos de febre-amarela

Angola já não diagnostica novos casos de febre-amarela desde Junho último, declarou, em Luanda, o director nacional de Saúde Pública no encontro “Café de Ideias”, que abordou “As emergências em saúde pública no tempo chuvoso”.

 

Miguel de Oliveira disse que o último caso a nível nacional foi confirmado na província do Cuanza Norte, em 24 de Junho, 33 dias depois de ter sido confirmado um em Luanda.  


“Até ao momento, não tivemos nenhum caso de transmissão confirmado, mas continuamos com a vigilância epidemiológica em todo o país”, salientou o director nacional de Saúde Pública, que assegurou haver uma “busca activa de casos.”


O responsável afirmou que foram obtidos avanços no combate à febre-amarela, mas manifestou a sua preocupação com o facto de haver pessoas que não aderem à campanha de vacinação, algumas por questões religiosas e outras por pensarem que a vacina pode causar infertilidade.

 

A campanha de vacinação contra a febre-amarela arrancou em Fevereiro deste ano e já foram imunizadas mais de 16 milhões de pessoas, o que corresponde a uma cobertura de 95 por cento. O país aguarda a chegada de dois milhões de doses da vacina contra a febre-amarela.